Ação da FIEB e Fundo Social proporciona ajuda às famílias vítimas de fortes chuvas
18/04/2018 - 15h53

Instituição promoveu campanha interna para coletar utensílios domésticos para famílias atingidas pelas chuvas na cidade. Entrega do material ocorreu na terça-feira (17)

20180418_campanha_site

Por meio de uma ação solidária em auxílio às famílias atingidas pelas chuvas em Barueri, a FIEB promoveu uma campanha interna de coleta de utensílios domésticos para ajudar essas pessoas que se encontram em estado de vulnerabilidade social. O material foi arrecadado durante os meses de março e abril para finalmente ser entregue na tarde de terça-feira (17) à presidente do Fundo Social de Solidariedade “Estrela Guia” de Barueri, Sônia Furlan. 

A entrega foi feita pelo próprio superintendente da FIEB, Luiz Antonio Ribeiro, na sede da Secretaria de Assistência e Desenvolvimento Social. No total, foram dezenas de jogos de cama, toalhas, talheres, copos, pratos, entre outros utensílios. Na oportunidade, além da presidente do Fundo, também estavam presentes a titular da pasta, Drª. Adriana Bueno Molina e a coordenadora da Habitação, Sonia Di Fiori. 

Sônia Furlan enfatiza que havia uma preocupação muito grande com famílias que, por falta de opção, montaram barracos em áreas de preservação ambiental ao lado de córregos. Devido a esse fato, coube à secretaria desenvolver um trabalho social intenso.  “Estamos retirando essas famílias para ir para outro local e dar condições melhores. Elas perderam muitas coisas com essas últimas chuvas que justamente estão ao lado desse córrego”, explica. 

“Então, ações como essa que a FIEB realizou com seus diretores, funcionários, vai facilitar nosso trabalho. Isso já vai começar a ser entregue para as famílias e a importância dessa união reflete algo significativo, não só em termos de solidariedade como a responsabilidade com todos os que mais precisam. Estou muito grata”, complementa a presidente do Fundo Social de Solidariedade de Barueri. 

Cerca de 80 famílias estão situadas na Viela Aracaju, entre os bairros Jardim São Luís e Chácara Marco. Aos poucos a prefeitura está removendo as pessoas que vivem nos locais com risco de desabamento e todas serão direcionadas para o Aluguel Social. “São famílias de Barueri há muito tempo, não tiveram condições de pagar o aluguel e foram para essa área. Nada pode ser construído porque é de proteção ambiental, então, tivemos conhecimento, fomos falar com essas famílias e verificamos que as condições deles eram terríveis e desumanas. Com as chuvas complicou mais e eles acabaram perdendo tudo, mas a gente está fazendo a remoção e ajudando no que for necessário”, conclui Sônia Furlan.